20 de julho de 2008

Perissia II


Era o tempo das fadas e a palavra.
Habitavam a rocha tantos rostos:
Os povoadores sob a terra
e os espíritos do céu.
A vida abriu caminho para o sonho
e tu estavas perto desta fe .

2 comentários:

soantes disse...

Que grande colheita!

Iolanda Aldrei disse...

Obrigada, meu amigo. Ando pela Turquia sem acentos... mas com longas palavras por gostar. Oxala seja Africa o presente cedo: saudades, muitas!